top of page

A Mulher de Provérbios 31

A mulher virtuosa



Encontramos muitas mulheres extraordinárias e piedosas ao longo da Bíblia, mas a mulher virtuosa descrita aqui é digna de louvor especial (Provérbios 31.29). Ao longo dos séculos, inúmeras mulheres têm se admirado com a vida dessa esposa e mãe e sido desafiadas por ela (v.31).


A passagem descreve que tipo de esposa uma mulher deve ser e que tipo de mulher um homem deve escolher para sua companheira. Uma vez que é um poema acróstico, cada um dos 22 versículos começa com uma letra sucessiva do alfabeto hebraico, estimulando assim a memorização desta obra-prima literária. Nas linhas do poema, o que toma forma não é a identidade, mas o caráter dessa mulher de força.


Essa mulher rara é um modelo de virtude: confiável, diligente, organizada, amorosa e surpreendentemente capaz de organizar as prioridades do seu mundo. Seu marido confia nela plenamente; seus filhos adultos tomam iniciativa de louvá-la e seu lar é um exemplo de eficiência. Ainda assim, ela encontra tempo para atuar em sua comunidade, ajudar os pobres e até mesmo multiplicar os recursos de sua família através de investimentos inteligentes e do gerenciamento produtivo de tudo o que é colocado sob seus cuidados. Além do mais, possui beleza exterior e sabedoria interior.


O retrato dessa mulher virtuosa se encerra com a chave para o seu sucesso (v.30). Ilustrando o tema da sabedoria desenvolvido ao longo de todo o Livro de Provérbios, esa mulher teme e reverencia a Deus acima de todas as coisas. Logo, tem sabedoria para equilibrar seus relacionamentos e responsabilidades. Ela exemplifica a verdade declarada por Jesus: "Mas busquem em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça, e todas estas coisas lhe serão acrescentadas." (Mateus 6.33, NAA). Um olhar atento para a descrição dessa mulher pode ser extremamente valioso para ajudar todas as mulheres a determinarem suas prioridades no gerenciamento do tempo, dos recursos e dos dons que Deus lhe deu.



O louvor da mulher virtuosa


10Mulher virtuosa, quem a achará?

O seu valor muito excede

o de finas joias.


11O coração do seu marido

confia nela,

e não haverá falta de ganho.


12Ela lhe faz bem e não mal,

todos os dias da sua vida.


13Busca lã e linho

e de bom grado trabalha

com as mãos.


14É como o navio mercante:

de longe traz o seu pão.


15É ainda noite, e ela já se levanta,

e dá mantimento à sua casa

e tarefa às suas servas.


16Ela examina uma propriedade

e adquire-a;

planta uma vinha

com a renda do seu trabalho.


17Cinge os lombos com força

e fortalece os seus braços.


18Ela percebe

que o seu ganho é bom;

a sua lâmpada

não se apaga de noite.


19Estende as mãos ao fuso,

mãos que pegam na roca.


20Abre a mão aos aflitos;

e ainda a estende

aos necessitados.


21Quanto à sua casa,

não teme a neve,

pois todos andam

vestidos de lã escarlate.


22Faz para si cobertas,

veste-se de linho fino e de púrpura.


23Seu marido é estimado

entre os juízes,

quando se assenta

com os anciãos da terra.


24Ela faz roupas de linho fino

e as vende;

ela fornece cintas

aos comerciantes.


25A força e a dignidade

são os seus vestidos,

e, quanto ao dia de amanhã,

não tem preocupações.


26Fala com sabedoria,

e a instrução da bondade

está na sua língua.


27Cuida do bom andamento

da sua casa

e não come o pão da preguiça.


28Seus filhos se levantam

e a chamam de

bem-aventurada;

seu marido a louva, dizendo:


29“Muitas mulheres são virtuosas

no que fazem,

mas você supera todas elas.”


30Enganosa é a graça,

e vã é a formosura,

mas a mulher que teme o Senhor,

essa será louvada.


31Deem a ela

o fruto das suas mãos,

e que de público

as suas obras a louvem.


Provérbios 31.10-31 (NAA)


 

25 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page